Carregando
Carregando conteúdo
[contact-form-7 404 "Not Found"]

Remédios para gripe e resfriado. Guia completo e atualizado.

Data

24 ● outubro ● 2018
Saúde de A a Z

Remédios para gripe e resfriado. Guia completo e atualizado.
Avalie este post!

Saiba tudo sobre os remédios que ajudam a combater gripes e resfriados.

Começou a espirrar e sentir dor no corpo, você logo vai procurar um remédio para gripe e resfriado, certo? As doenças que atingem as vias aéreas superiores como nariz, boca e garganta são as doenças mais comuns e apresentam sintomas que atrapalham o dia a dia das pessoas.

Tanto a gripe como o resfriado têm sintomas como coriza, congestão nasal, dor no corpo, garganta irritada e com dor e febre em casos de gripe.

Existem no mercado vários remédios para gripe e resfriados que podem ser obtidos de forma fácil, mas é importante que eles sejam recomendados por médicos pois com a existência de outras doenças, eles podem provocar outros sintomas e piorar as condições da doença.

Os remédios caseiros também são bastante utilizados para a cura e prevenção das gripes e resfriados, apesar de não ter eficácia comprovada alguns deles atuam no aumento da imunidade o que faz com que os sintomas de gripe melhorem.

Aqui você vai saber um pouco mais sobre os remédios para gripes e resfriados, a diferença da atuação em crianças, adultos e idosos e como eles funcionam para o combate e a cura da gripe.

Saiba mais sobre o vírus da Gripe: sintomas, como prevenir, tratamento.

 

Boa Leitura!

 

Diferentes tipos de remédios para gripe

Vários remédios podem ser utilizados para combater as gripes e resfriados.

Os remédios para gripe e resfriados são utilizados para reduzir ou combater os sintomas característicos das duas doenças como dor de cabeça, dor de garganta, coriza ou tosse e dores no corpo, por exemplo.

Entre a variedade de medicamentos existentes que podem ser comprados nas farmácias até mesmo sem receita, existe uma diferença de acordo com os sintomas que as pessoas apresentarem e alguns deles são:

 

  • Remédios anti-gripais: são usados para reduzir os sintomas iniciais da gripe, entre eles estão Benegrip, Apracur e Descon.

 

  • Remédios anti-inflamatórios: eles são usados para diminuir a inflamação da garganta, entre eles estão Ibuprofeno, Aspirina e Diclofenaco;

 

  • Remédios analgésicos e antipiréticos: são usados para diminuir a dor no corpo, dor de garganta, cabeça ou ouvidos, entre eles estão o Paracetamol e Novalgina;
  • Remédios antialérgicos: são utilizados para diminuir a tosse alérgica, espirros e coriza, entre eles estão a Loratadina, Desloratadina ou Fexofenadina;

 

  • Remédios antitussígeno: são usados para tratar a tosse seca, entre eles estão Atossion, Levodropropizina e Hytós Plus;

 

  • Remédios expectorantes: são usados para ajudar a liberar as secreções, entre eles estão Bisolvon, Mucosolvan e Vick 44 E.

 

Além desses remédios os médicos pode prescrever Tamiflu para atuar na prevenção ou combate da gripe em sua forma mais forte quando atinge adultos e crianças com mais de 1 ano para ajudar na redução dos sintomas.

É importante que os remédios para a gripe sejam utilizados sempre sob orientação médica e, por isso, ao começar a sentir os primeiros sintomas de gripe, como tosse e nariz escorrendo é importante consultar um médico para iniciar o tratamento adequado.

O médico pode indicar o uso de vários remédios para o paciente ingerir de forma simultânea como por exemplo um antipirético e um expectorante. O uso de remédios costuma ser feito durante pelo menos 5 dias, que é quando os sintomas diminuem.

Os medicamento portanto não substitui a vacina contra a gripe que ainda é o método mais eficaz de prevenção.

Além do uso de remédios para tratar a gripe, é importante que o paciente faça repousos e evite locais frios ou muito abafados, com fumaça ou com diferenças de temperatura. É fundamental ingerir 2 litros de água por dia e limpar o nariz com soro fisiológico também ajuda a eliminar a secreção.

 

Melhores Remédios caseiros para gripe

Uma alternativa para tratar a gripe sem tomar remédios de farmácia, é buscar ou reforçar um tratamento com remédios caseiros como chás, mel, alho, limão, além de sucos de frutas ricas em vitamina C como (laranja, acerola e abacaxi) importantes para fortalecer o sistema imunológico.

Os remédios caseiros são bastante utilizados no combate a gripe e resfriados.

Algumas plantas que possuem propriedades medicinais e ajudam o organismo a curar doença, também são utilizadas como remédios naturais para gripes e resfriados.

Os médicos afirmam que os remédios caseiros para gripes e resfriados não ajudam a curar os quadros principalmente mais graves, apenas ajudam a amenizá-los levemente enquanto o organismo ainda não conseguiu completar esse ciclo. Isso também é válido para os remédios de farmácia.

Veja aqui alguns remédios caseiros para amenizar os sintomas de gripe e resfriado mais usados popularmente são:

Receitas caseira para gripeNutrientesPorque é eficaz
Suco de laranja com limãoVitamina CIngerir essa vitamina constantemente ajuda a reforçar o sistema imunológico
Xarope de alhoAlicinaSubstância anti-inflamatória poderosa que auxilia na melhoria dos sintomas de congestão nasal
Suco de maçã com melPropriedades hidratantesO mel é excelente hidratante das mucosas das vias aéreas e ajuda na tosse seca
Alho fervido com melAlicina e propriedades hidratantesMistura os benefício dos dois alimentos para combater a gripe
Suco de cajuVitamina CExcelente fonte de vitamina C, seu consumo pode ser intercalado com o limão e laranja, para aumentar a quantidade de vitamina C
Canja de galinhaProteínas, carboidratos e vitaminasÉ uma refeição balanceada que ajuda a fortalecer e melhorar o equilíbrio do corpo

 

Remédios para gripe em adultos

Quando um adulto pega gripe ou resfriado, os remédios utilizados para melhorar os sintomas são os mesmos citados na lista acima. O importante é que primeiramente seja identificado se é resfriado ou gripe.

 

Ambos têm sintomas parecidos, mas um deles pode diferenciar as duas doenças é a presença de febre, sintoma mais característico da gripe.

É importante identificar se os sintomas que você sente são de gripe ou resfriado.

 

Dependendo dos sintomas, são recomendados então o uso de medicamentos para combater os sintomas que o paciente venha a sentir. O ideal é consultar um médico para que ele indique qual o melhor medicamento dependendo dos sintomas e do estágio da gripe ou resfriado que a pessoa está.

É importante que além de medicamentos, a pessoa também mantenha hábitos que contribuam para a melhora da gripe como se manter em repouso, fazer uma alimentação saudável e consumir principalmente alimentos ricos em vitamina C, evitar ambientes aglomerados, entre outras coisas para evitar a piora dos sintomas e a transmissão.

 

Remédios para gripe para crianças

Quando a gripe e resfriado atingem as crianças, os remédios receitados pelos médicos podem ser as mesmas substâncias nas versões pediátricas. Isso depende dos sintomas que a criança esteja sentindo.

Crianças com gripe devem tomar remédios receitados por pediatras.

Além de seguir as orientações médicas, em casa algumas medidas podem ser feitas para que o seu filho se sinta melhor com a gripe.

Não há muita coisa que você possa fazer para que o resfriado vá embora mais rápido, mas pelo menos pode adotar algumas estratégias para que seu filho se sinta melhor (ou não piore), veja algumas delas:

 

  • Colocar a criança para dormir na posição horizontal pode deixá-la ainda mais congestionada, portanto tente deixá-la dormindo com a cabeça mais elevada. Você pode usar travesseiros na cama ou colocar toalhas embaixo do travesseiro. Cuidado para não exagerar na inclinação, pois a criança pode virar de lado na cama.

 

  • Coloque a criança exposta ao vapor. Se não tiver um vaporizador a frio em casa, ou um inalador, é recomendado dar um banho quente, ou deixá-lo no banheiro com você por cerca de 15 minutos, respirando a fumaça da água quente.

 

  • Dê muito líquido à criança, para ajudar a soltar as secreções nasais e  evitar a desidratação causada pela febre.
  • Para aliviar a congestão nasal, use soro fisiológico. É importante você tentar ensinar  a criança a assoar o nariz. Geralmente algumas conseguem aprender até os 3 anos, outras precisam de mais tempo e apoio para isso.

 

  • Se a criança está com o nariz entupido mas não tem nenhum outro sintoma, dê uma olhada nas narinas dele para ver se ele não enfiou nenhum objeto estranho nelas. Esse tipo de acidente é mais comum do que se imagina e quando se trata de crianças é preciso estar atento.
  • Para baixar a febre, você pode dar um antitérmico como o paracetamol, a dipirona ou o ibuprofeno, seguindo as instruções do seu médico. É importante verificar se a criança tem alergia a algum medicamento é se tiver, é recomendado não utilizar esse medicamento.

 

  • Alguns especialistas recomendam não usar remédios contra tosse ou descongestionantes em crianças menores de 6 anos, os mesmos podem provocar efeitos colaterais. Só de algum medicamento para a criança com orientação médica.

 

Remédios para gripe para idosos (terceira idade)

Quando a gripe e resfriado atingem os idosos, o tratamento precisa ser mais cauteloso e cuidadoso pois essas pessoas já costumam estar com o sistema imunológico mais debilitado.

Os idosos devem ter cuidado redobrado com a gripe e resfriados.

 

Se o idoso continuar com a sensação de mal-estar e outros sintomas como a febre, medicamentos antitérmicos como o paracetamol ou anti-inflamatórios, como o ibuprofeno, ajudam a reduzir a alta temperatura e a aliviar as dores.

Como os idosos estão em um grupo de risco, pois devido a imunidade mais baixa estão mais propensos a sofrer complicações, o médico pode prescrever o medicamento antiviral. No entanto, esses medicamentos não possuem ação de curar a gripe, mas sim de amenizar os sintomas.

Nos idosos também pode ser recorrente que a gripe venha causar algumas complicações como infecções pulmonares especialmente graves ou pneumonia. E para isso os médicos podem receitar antibióticos para tratar essas gravidades que passam a ser causadas por bactérias.

Os medicamentos antivirais também podem ser recomendados para a gripe e resfriados nos idosos e eles atuam da seguinte forma:

– Reduzem o período de tempo da doença;

– Alivia alguns dos sintomas;

– Reduz o risco de complicações mais graves;

O melhor método de prevenção da gripe nos idosos, principalmente do tipo H1N1, é a vacina que está disponível gratuitamente nos postos de saúde e deve ser tomada uma vez ao ano como reforço para a gripe.

 

O tratamento para os idosos inclui alguns cuidados básicos como descanso, manter-se aquecido, tomar muita água para evitar a desidratação e cuidar dos sintomas, principalmente quando há febre.

Se a sensação de mal-estar e sintomas como a febre persistirem, medicamentos com o princípio ativo paracetamol ou medicamentos anti-inflamatórios, como o ibuprofeno, ajudam a reduzir a alta temperatura e a aliviar as dores.

Em grupos de risco, que estão mais propensos a sofrer complicações, o médico pode prescrever medicação antiviral. No entanto, esses medicamentos não possuem ação de curar a gripe, mas sim de amenizar os sintomas. Outros efeitos dos antivirais são:

– Reduzir o período de tempo que está doente;
– Aliviar alguns dos sintomas;
– Reduzir o risco de complicações mais graves;

Os antibióticos não são prescritos para a gripe, pois são indicados para tratar doenças causadas por bactérias. Como a gripe é causada por um vírus, estes medicamentos não têm efeito sobre eles.

No entanto, ocasionalmente, pode ser necessário tomar antibióticos para tratar as complicações da gripe, infecções pulmonares especialmente graves ou pneumonia.

 

Remédio para gripe para Grávidas

Grávidas precisam ter um cuidado especial no tratamento da gripe.

Gripes e resfriados também costumam atingir as grávidas com frequência, visto que nesse período as mulheres ficam com a imunidade mais baixa. E durante a gravidez é importante evitar o uso de remédios comprados na farmácia, pois, podem provocar problemas na gestação como atraso no crescimento e desenvolvimento do bebê.

Por isso é fundamental que quando a grávida tiver sintomas da gripe, vá a um médico para buscar um medicamento que ela possa tomar e curar a doença o mais rápido possível.

Geralmente, analgésicos à base de paracetamol e a vitamina C são os únicos remédios que a gestante pode tomar para curar a gripe, além de hábitos como descanso, manter uma boa alimentação e beber bastante líquido principalmente água e vitamina C são muito importantes para manter a hidratação.

É importante também que após a gravidez, no período da amamentação, a mulher não use remédios para a gripe que não sejam prescritos pelo seu médico. Pois eles podem ser transmitidos para o bebê através do leite e provocar danos para a saúde da criança.

 

Quando eu devo tomar remédio para gripe

Evite a automedicação e consulte um médico para tomar os medicamentos certos.

Muita gente quando começa a espirrar ou sentir uma coriza já começa a tomar remédios para a gripe. Isso pode ser uma prática perigosa, pois a pessoa pode estar apenas com uma alergia e toma um remédio sem necessidade causando danos para a sua resistência imunológica.

O recomendado é que os remédios para a gripe sejam tomados somente com a indicação médica e com sintomas já estabelecidos para os remédios atuarem diretamente neles e combater esses sintomas.

Outra opção para tomar medicamentos é para prevenir a gripe, nesse caso pode ser feito o uso de vitamina c que está disponível no mercado em várias versões como gotas e balas de gelatina (para crianças), efervescente e comprimidos.

Caso você tenha crises de resfriados e gripes recorrentes durante o ano e em algum momento já recebeu uma receita com os remédios indicados para combater as doenças, pode seguir com ela caso os sintomas sejam os mesmos. Nesses casos de recorrência, é importante procurar um médico para investigar o seu sistema imunológico.

 

Reação e efeitos colaterais

Cuidado com os efeitos colaterais dos medicamentos, eles podem provocar outros sintomas mais graves.

Os remédios para gripes e resfriados assim como outras medicações também podem causar reações e efeitos colaterais característicos. Por isso a importância de consultar um médico, pois só ele pode indicar o medicamento corretos para os seus sintomas.

Entre os efeitos que os remédios podem provocar estão a alergia, que pode se manifestar de várias formas no corpo podendo ser uma reação grave a um paciente que seja muito alérgico. Problemas estomacais também podem estar relacionados ao uso de medicamentos para a gripe, assim como dor de cabeça, fraqueza, entre outros sintomas.

Nunca faça automedicação, procure um médico para dar a você a assistência necessária por mais simples que seja o seu problema de saúde.

 

Conclusão

Entre medicamentos naturais e de farmácia, existem várias opções para a cura da gripe.

Existem no mercado diversos remédios para gripes e resfriados, que na verdade não combatem essas doenças em si, mas os sintomas que elas provocam. Para atuar no combate a esses sintomas e na melhora da gripe, como os analgésicos para dor no corpo, antitérmicos para a febre e descongestionantes para a coriza.

A gripe e os resfriados podem atingir pessoas de todas as idades, de bebês a idosos e os sintomas podem ser os mesmos como coriza, congestão nasal, espirros, dor no corpo e garganta, entre outros, mudando apenas a intensidade.

Os remédios caseiros também são bastante utilizados no tratamento da gripe e resfriado, geralmente são utilizados em forma de chás ou misturas e os ingredientes mais usados são mel, limão, gengibre, hortelã entre outros que não são comprovados cientificamente mas ajudam a melhorar a imunidade e com isso os sintomas da gripe.

A melhor maneira de prevenção para a gripe, principalmente em idosos que têm a imunidade mais baixa é através da vacina contra a gripe que para idosos e pessoas dos grupos de risco.

Se você conhece alguém com os sintomas e que precise de um médico rapidamente, agende sua consulta aqui.

Aproveite as nossas dicas para se prevenir de doenças. Mas lembre-se de sempre procurar um médico para fazer um tratamento adequado para a sua saúde. Se quiser conhecer outras dicas de prevenção e cuidados leia esses textos.

Esse conteúdo ajudou você a tirar dúvidas sobre remédios para gripes e resfriados? Se sim, compartilhe com outras pessoas. Se restou alguma dúvida, agende um horário na Cia da Consulta e converse com um de nossos médicos!