Carregando
Carregando conteúdo
[contact-form-7 404 "Not Found"]

Remédio para Candidíase. Tudo o que você precisa saber.

Data

27 ● agosto ● 2018
Saúde de A a Z

Remédio para Candidíase. Tudo o que você precisa saber.
Avalie este post!

Pomadas, cápsulas ou comprimidos de dose única, eles ajudam a acabar com fungo causador da candidíase.

Você já precisou ou está precisando usar remédios para tratamento de Candidíase?

A Candidíase é uma doença causada pela manifestação do fungo Cândida que geralmente ocorre quando o sistema imunológico da pessoa está enfraquecido ou devido a tratamento com antibióticos, por exemplo.

 

A doença pode atingir homens, mulheres e crianças causando sintomas desconfortáveis, mas que são curáveis com o uso de medicamentos, que dependendo da região afetada, podem ser utilizados pomadas e comprimidos oral que eliminam o fungo ajudando a aliviar os sintomas.

 

Os remédios para tratamento da Candidíase devem ter propriedades antifúngicas, permitindo assim eliminar o desenvolvimento do fungo que podem provocar sintomas como coceira, dor, corrimento e vermelhidão próprios da Candidíase.

 

Aqui você vai saber um pouco mais sobre os remédios para tratamento da Candidíase, como utilizá-los corretamente para se livrar do fungo e se curar de uma vez por todas da Candidíase, com recomendações feitas pelos médicos da Cia da consulta para você cuidar corretamente da sua saúde.

Saiba mais sobre a Candidíase. Acesse aqui e veja um guia completo sobre a doença para você se prevenir.

 

Boa leitura e tire as suas dúvidas!

 

O que é a Candidíase?

A Candidíase é uma doença causada pelo fungo do gênero Cândida Albicans que pode atingir mulheres, homens e crianças e se manifesta quando há uma deficiência no sistema imunológico ou devido ao uso de alguns antibióticos que podem provocar o desencadeamento da doença.

A Candidíase pode se manifestar nas regiões genitais, na boca, pele e intestinos causando alguns sintomas desconfortáveis que podem ser curados com um tratamento indicado por um médico através do uso de remédios como pomadas e comprimidos via oral e vaginal e por alguns remédios caseiros.

Algumas outras doenças genitais como vaginite, herpes e gonorreia podem causar sintomas semelhantes aos da Candidíase, por isso a melhor forma de confirmar um diagnóstico é através de uma consulta e exames.

 

Sintomas e busca por tratamento

É importante procurar um médico para realizar um tratamento caso você comece a apresentar os seguintes sintomas:


Os sintomas da candidíase podem trazer desconforto e por isso precisam logo ser tratados

 

– Coceira intensa na região genital;

– Corrimento esbranquiçado com grumos, semelhante a leite talhado;

– Vermelhidão e inchaço na região genital;

Placas esbranquiçadas na vagina ou na cabeça do pênis;

– Dor ou queimação ao urinar;

– Desconforto ou dor durante as relações sexuais;

O fungo Cândida vive normalmente no organismo humano, mas o sistema imunológico é capaz de evitar que ele se prolifere caso esteja forte. Porém, se a imunidade está em baixa, geralmente após uma gripe ou doença, durante a gravidez, esses fungos podem se manifestar de forma exagerada, causando assim a candidíase.

Por isso a importância de buscar o tratamento em caso de ocorrência de uma dessas situações.

 

Diagnóstico e tratamento

O diagnóstico da Candidíase se dá através de exame clínicos, laboratoriais e no caso das mulheres através de exame ginecológico como, por exemplo, o exame papanicolau.

Os sintomas da candidíase podem se assemelhar ao de outras doenças, em decorrência disso é necessário realizar um exame de cultura da região afetada para verificar se a infecção é causada por fungo e que qual o tipo de fungo.

Cada tipo de candidíase tem um diagnóstico específico como:

 

Candidíase na mulher: O diagnóstico é feito a partir dos relatos dos sintomas, o médico então realiza exame físico ginecológico e exames específicos como exame de cultura e Papanicolau;

 

Candidíase no homem: O diagnóstico também é feito a partir dos relatos dos sintomas, seguidos exames clínicos para observar as condições do pênis;

 

Candidíase Oral: o diagnóstico desse tipo da doença é feito através de exame clínico da boca e de exame de cultura de escarro para identificar a presença do fungo;

 

Candidíase na pele (Intertrigo): Nesse tipo é feito um exame clínico na pele com base na observação dos sintomas e exames específicos como raspagem da pele e exame KOH (hidróxido de potássio), exame da lâmpada de wood (Luz Negra) e realização de biópsias da pele;

 

Candidíase invasiva: Neste caso são realizados exames de cultura do fungo no sangue e amostras de tecido retiradas para biópsia que podem confirmar o diagnóstico.

Só meio de exames médicos e clínicos o diagnóstico pode ser confirmado e o médico pode avaliar as causas e recomendar os remédios mais indicados para o tratamento correto que além de medicamentos envolve práticas de higiene e proteção sexual.

 

Tipos de remédios para Candidíase

Os remédios indicados para o tratamento da candidíase têm propriedades antifúngicas e tem o objetivo de parar o desenvolvimento do fungo e dos sintomas que ele pode provocar nas variadas partes do corpo.

 

Logo, dependendo da região que pode ser afetada é possível utilizar diferentes tipos de medicamentos como pomadas, comprimidos orais e cápsulas vaginais.

Algumas substâncias utilizadas para o tratamento da candidíase podem ser:

 

– Fluconazol;

 

– Cetoconazol;

 

– Nistatina;

 

– Clotrimazol;

As pomadas são os remédios mais utilizados em diversos casos de candidíase.

As pomadas e cremes normalmente costumam ser utilizadas para tratar a candidíase genital ou na pele, podendo ser aplicadas diariamente em um período de 7 a 14 dias, de acordo com os sintomas e indicação do médico.

 

Já os comprimidos de administração oral são utilizados normalmente em casos quando a infecção está mais grave, pois eles agem de forma sistêmica fortalecendo o sistema imunológico contra os fungos e realizando o tratamento da candidíase em grau resistente.

 

Os remédios costumam ter um preço acessível e podem ser facilmente encontrados em farmácias e drogarias com suas composições farmacêuticas e genéricos.

 

Remédio para Candidíase feminina

Para tratar a candidíase, especificamente nas mulheres, existem também os comprimidos vaginais. Eles têm como base a substância fluconazol e devem ser introduzidos no órgão genital feminino antes de dormir.

O tratamento com comprimidos orais pode ser feitos em cerca de 1 a 14 dias, de acordo com o que for prescrito pelo médico.

 

É importante que durante o tratamento da candidíase a pessoa evite o contato íntimo, pois quando um dos parceiros está infectado com candidíase genital, pode passar fungo para o outro mesmo que não mostre sintomas evidentes.

 

Remédio para Candidíase Masculina

Os homens também são atingidos pelo fungo cândida e podem desenvolver a candidíase no pênis, na boca, na pele e no esôfago.

Os remédios para tratamento da candidíase mais receitados para o homem são as pomadas como o fluconazol, itraconazol, clotrimazol, nistatina e cetoconazol. Essas pomadas devem ser aplicadas conforme a recomendação médica.

Se eles tiverem com crises muito frequentes, apresentando sintomas ininterruptos, pode ser um sinal de resistência do fungo ao tratamento realizado. Nesse tipo de caso, é importante procurar um médico o quanto antes para iniciar um novo tratamento.

 

Remédio para candidíase em dose única

Os remédios em dose única aliviam os sintomas da Candidíase em pouco tempo.

Para o tratamento da candidíase, alguns remédios podem ser utilizados em dose única. Eles são recomendados em caso de infecção leve e estão disponíveis em forma de comprimidos como o Fluconazol e Itraconazol, que podem ser tomados apenas uma vez e já eliminam os fungos e os sintomas provocados por ele.

 

Em alguns casos os médicos recomendam a ingestão de um comprimido de dose única para um único dia e caso não haja melhora dos sintomas em um período de até 24 horas, é recomendado ingerir uma segunda dose do medicamento num período de tempo de até 72 horas depois da primeira dose.

 

Caso você inicie o tratamento com um desses medicamentos e não sinta a melhoria dos sintomas nas primeiras 24 horas, deve consultar um médico para iniciar um tratamento com outro medicamento.

 

Remédio para candidíase na gravidez

Durante a gravidez a mulher pode desenvolver candidíase e precisa de tratamento diferenciado.

Durante a gravidez, as mulheres têm mais chances em desenvolver a Candidíase devido estarem com o sistema imunológico mais baixo.

 

Os remédios para tratamento da candidíase mais utilizados na gravidez são:

  •         Nistatina ou Terconazol, comprimidos vaginais para candidíase genital;
  •         Oxiconazol, em pomada para candidíase na pele;

É importante que o tratamento seja acompanhando pelo médico que está fazendo o pré-natal, pois só ele pode receitar o melhor tratamento após observar os sintomas das pacientes.

 

Remédio para candidíase intestinal

Esse tipo de Candidíase ataca o intestino e um dos sinais é a presença de pequenos resíduos esbranquiçados que fiquem na parede do intestino e saem nas fezes.

 

A candidíase intestinal pode afetar o sistema sanguíneo e provocar alguns sintomas em outras regiões do corpo como alterações no sistema digestivo, sistema nervoso e na pele;

 

O diagnóstico da candidíase intestinal pode ser feito por um exame de fezes e com observação de outros sintomas.

Os remédios para tratamento da candidíase intestinal ajudam a manter o intestino regular e a flora intestinal equilibrada, eles incluem tomar probióticos e iogurte com lactobacilos e bifidobactérias.

 

Além de prevenir o surgimento da candidíase, eles também evitam diarreias constantes e a prisão de ventre.

 

Remédio caseiro para Candidíase

Algumas pessoas utilizam remédios caseiros para a candidíase, eles podem ser em forma de chá ou outros alimentos, porém a eficácia não é totalmente comprovada mas eles podem ajudar na melhoria dos sintomas:

Iogurte

O iogurte natural é um ótimo aliado para combater a candidíase.

Um alimento barato, que não provoca efeitos colaterais e ajuda na melhoria da candidíase é o iogurte natural. Seu consumo ajuda a diminuir a acidez da vagina, travando o crescimento dos fungos, visto que eles preferem um ambiente mais ácido para o seu desenvolvimento.

 

Lactobacillus

Outras opções são cápsulas de Lactobacilos que podem ser

ingeridas 1 por dia durante 1 mês ou em algumas formas, inseridas na vagina

antes de dormir por durante 14 dias. Esse remédio natural ajuda a repor a flora

vaginal, controlando o aparecimento da cândida.

 

Chá de uva-ursina

Outra opção é tomar chá de uva-ursina, esse chá pode ser auxiliar no tratamento, mas não deve ser usado sozinho para curar a candidíase, ele apenas ajuda a diminuir a reprodução do fungo. Esse chá pode ser utilizado tanto por mulheres como por homens.

 

Como fazer o chá:

 

1 xícara de água quente

 

2 colheres (de chá) de folhas de uva-ursina

 

Modo de preparo:

 

Ferver a água  e jogar ela sobre as folhas, deixando repousar por infusão  durante 5 minutos. Quando amornar, coar e beber a seguir. É recomendado beber este chá 3 vezes por dia.

Remédio caseiro para candidíase intestinal

Chá de Pau D’Arco

O chá de Pau D’Arco pode ser um auxiliar para a candidíase intestinal. Essa erva ajuda a facilitar o trânsito intestinal e possui propriedade antifúngica que elimina o excesso de fungos no intestino, facilitando o tratamento da candidíase.

 

Ingredientes

2 colheres (de sopa) de cascas de Pau D’Arco

1 litro de água fervente

 

Modo de preparo:

Juntar os ingredientes e deixar repousar durante cerca de 10 minutos. Depois coar e beber 2 a 3 xícaras por dia.

 

Água de alho

A água de alho possui propriedades antibacterianas e antifúngicas que impedem o desenvolvimento dos fungos que se desenvolvem no intestino. Para fazer a água, basta colocar 5 dentes de alho de molho num copo de água durante 6 horas e tomar a seguir, somente a água.

 

Remédio caseiro para Candidíase na Boca

Para a candidíase na boca, é recomendado o uso do chá de poejo. Ele possui propriedades que diminuem a proliferação de fungos e, por isso, pode ser um grande auxiliar na melhora da doença.

O Chá de poejo é um remédio natural utilizado para amenizar a candidíase na boca.

Como fazer o chá de poejo:

1 colher (sopa) de flores ou folhas de poejo

1 xícara de água

 

Modo de preparo:

Pique as folhas ou flores de poejo, colocá-las numa xícara e cobrir com a água fervente. Abafe por 15 minutos e coe a seguir. Umedeça um pedacinho de algodão com o chá e passe na boca, de 3 a 4 vezes ao dia.

 

Outros cuidados durante o tratamento da candidíase

É importante lembrar que em todos os casos de candidíase, tanto na mulher quanto no homem, é importante manter alguns cuidados e bons hábitos de higiene pessoal e saúde a fim de prevenir a ocorrência da candidíase como, por exemplo:

É importante evitar o contato sexual durante o tratamento da Candidíase

– Usar roupas íntimas de algodão;

– Usar roupas mais largas que permitam ventilação aos genitais;

– Manter o órgão genital sempre limpo e seco;

– Ter hábitos de vida saudáveis;

– Manter uma dieta equilibrada e saudável para aumentar a imunidade do organismo;

– Evitar o contato sexual em períodos de tratamento para não contaminar o parceiro;

– Sempre usar preservativo em todas as relações sexuais para evitar o contágio e disseminação da doença.

 

Médicos que tratam a candidíase

Ao sentir os sintomas de candidíase, é importante procurar um médico para iniciar o tratamento de maneira adequada. Os médicos que podem fazer o diagnóstico da candidíase são:

Buscar por um médico é importante para evitar o ataque recorrente de candidíase.

– Ginecologista (Mulheres)

– Urologista (Homens)

– Infectologista e clínico geral (Homens e mulheres)

– Pediatra (crianças)

– Dermatologista (nos casos de sintomas na pele)

É muito importante procurar um médico para o diagnóstico, tratamento e prevenção da doença. Se não tratada, a candidíase pode se tornar recorrente e causar prejuízos no dia a dia da pessoa contaminada.

 

O que comer na candidíase

A alimentação é um dos fatores que podem desencadear os sintomas da candidíase, devido ao aumento da acidez no organismo. E é muito importante que durante o tratamento você faça uma alimentação saudável, pois alguns alimentos podem piorar o quadro da doença. Aposte em alimentos que ajudem a fortalecer a sua imunidade para eliminar o fungo.

A alimentação saudável tem uma grande importância na prevenção e tratamento da candidíase.

Alimentos não recomendados:

– Carboidratos (Massas, farinhas brancas, arroz branco);

– Açúcares e alimentos açucarados;

– Proteínas animais (Carnes de boi, porco e frango, ovos, manteiga);

– Carnes e alimentos processados;

– Amendoim e outras oleaginosas;

– Bebidas Alcóolicas.

Alimentos recomendados:

– Iogurte natural;

– Frutas, hortaliças e verduras;

– Grãos como aveia, chia e outros cereais

– Peixes e frutos do mar

– Cogumelos

– Leguminosas

 

Conclusão

A candidíase é uma infecção causada por um fungo que pode atingir mulheres, homens e crianças mas pode ser tratado facilmente com o uso de medicamentos, remédios caseiros e com a regulação da alimentação.

A Candidíase apesar de ser incômoda tem cura e pode ser tratada rapidamente

O fungo que está presente no nosso organismo de forma natural e de maneira adormecida, pode se manifestar com a baixa da imunidade, uso de medicamentos, desequilíbrio alimentar e contágio sexual podendo atingir diversas partes do corpo.

 

A candidíase pode se manifestar nos órgãos genitais femininos e masculinos, na boca, garganta, esôfago e na pele. Cada uma região afetada requer um tratamento específico.

 

O tratamento da candidíase é feito a partir de substância anti fúngicas que podem ser em formas de pomadas e cremes, comprimidos, comprimidos em dose única, chás e até mesmo alguns alimentos como o iogurte.

 

A candidíase pode provocar vários sintomas que podem causar incômodos no dia a dia da pessoa contaminada. Por isso é necessário o acompanhamento médico, pois a doença pode ser tratada de forma fácil e rápida com o tratamento correto.

 

Se você tem ou conhece alguém que esteja com os sintomas indicativos da candidíase e precisa consultar um médico rapidamente, agende uma consulta de forma rápida e prática aqui.

Com essas dicas você pode cuidar melhor da sua saúde e prevenir algumas doenças. Mas lembre-se de sempre procurar um médico para fazer seus exames de rotina e prevenção. Aqui você também encontra outros artigos de saúde que ajudam a tirar suas dúvidas sobre saúde.

Esse conteúdo foi útil para você? Se sim, compartilhe com outras pessoas e  ajude a informar amigos e familiares sobre a Candidíase. Se restou alguma dúvida, agende um horário na Cia da Consulta e converse com um de nossos médicos!